Você sabe o que mais vende na internet hoje me dia? Antigamente, para se comprar algo era necessário ir ao endereço físico da loja ou estabelecimento e as empresas precisavam divulgar seus produtos e serviços através da Telelista, anúncios em jornais, revistas, TV ou rádio, o que resultava em custos muito altos e isso acabava impactando o preço final de venda. Após o avanço tecnológico tornou-se possível divulgar marcas na internet, impactando um numero maior de pessoas e vender com custo zero, como as vezes acontece nas redes sociais.

Atualmente, as maiores marcas disponíveis no mercado já possuem além das lojas físicas os endereços digitais para venda dos produtos, como é o caso da Magazine Luiza, Livraria Leitura e Lojas Americanas, oferecendo preços mais competitivos e atraentes para o mercado. A resistência e desconfiança em relação às plataformas online e preocupação em relação à segurança de dados perdeu espaço para a praticidade e comodidade das compras online e cada vez mais as empresas se preocupam com a segurança dos compradores.

Se você tem pensado em empreender online e já descobriu que existe um mundo de possibilidades no meio digital, está pesquisando para saber qual o melhor produto ou serviço a oferecer e ainda quer mais liberdade de horários, tempo para ficar com a família ou uma renda extra vamos mostrar os 10 produtos e serviços preferidos pelo público.

 

1- Vestuário

Este é um dos segmentos que mais movimenta a economia, além de ser item de necessidade básica, a moda sazonal faz com que o consumo aumente e mantenha o comércio aquecido. As plataformas de venda de roupas e acessórios evoluíram muito, e não é necessário mais ir á loja experimentar as peças, logo que as informações detalhadas dos objetos podem ficar disponíveis, como tamanhos específicos, medidas, diâmetro da cintura e quadril, centímetros do busto e colarinho, o peso e altura média da roupa e até fotos em 3D.

Além das vendas em lojas digitais e a possibilidade de trabalhar com cursos de moda, devemos lembrar que estamos na era dos influenciadores digitais, em que diversos Youtubers dão dicas de moda, divulgando marcas para públicos específicos  através de parcerias.

2- Calçados

As lojas virtuais de calçados são umas das mais procuradas na internet, temos grandes exemplos como a Netshoes e Dafiti. Um dos facilitadores do segmento são as numerações padronizadas, mudando apenas de país para país.  As medidas exatas do produto podem ser informadas para evitar trocas e facilitar a satisfação plena do cliente. Calçados personalizados, também  fazem muito sucesso na internet, como chinelos para casamento, aniversários e eventos.

3- Acessórios

Muito parecido com os vestuários e calçados, podem ser explorados nichos específicos para vender brincos, pulseiras, relógios, óculos, lenços, tiaras e outros. A produção pode ser própria ou não, muitas marcas trabalham com revenda de produtos importados ou de grandes marcas. Nesse mercado vemos o sucesso de lojas conhecidas, bem como de pequenos produtores. Um cuidado ao trabalhar com a importação é verificar a legislação brasileira e pagar devidamente  as taxas e impostos.

4- Livros

A internet possibilitou a hospedagem de uma infinidade de soluções que as pessoas necessitam, abrangendo uma gama gigantesca de títulos, temas e autores de livros. Uma das lojas pioneiras em venda de livros é a Amazon, que permite o lançamento de autores conceituados e desconhecidos, os livros podem ter sido lançados por editoras ou não, ou seja, ficou muito fácil vender livros e e-books e oferecer o conhecimento ao público. Os livros também são muito procurados para presentear, e estão disponíveis em versão física ou digital.

5- Cursos online

Quando falamos em serviços devemos ressaltar que são mais limitados que produtos, ou seja, a capacidade de produção de uma aula é menor que a produção de um DVD, por exemplo. Uma única pessoa pode ministrar uma aula para 50 pessoas, em diversos horários da semana, mas sempre haverá um limite máximo, diferente da produção de DVD´s, que podem ser copiados infinitamente. Dessa forma, o professor que ministra o curso com o uso da internet pode atingir muito mais alunos se disponibilizar o conteúdo online. Por isso os cursos online são um dos produtos mais vendidos no meio digital, devido ao conforto de assistir em casa ou no trabalho e praticidade para aprender novos assuntos.

6- Cosméticos/Perfumaria

Outro mercado próspero é o de cosméticos e perfumaria, pois os cuidados com a  pela e cabelos, sempre foram explorados pelas mulheres. Porém, atualmente, vemos um número crescente de homens que se preocupam com a aparência, um exemplo disso é o aumento de produtos para barba. Os cuidados com os cabelos crespos e cacheados também está em crescimento constante no Brasil. Assim como os acessórios, os produtos também podem ser importados, o mais importante é revender produtos de qualidade garantida e ter um bom fornecedor com um mix de produtos variados.

7- Eletrodomésticos

Aparelhos eletrônicos, estão sempre entre os mais vendidos na internet.  Televisores, fogões, micro-ondas e geladeiras possuem grande potencial de vendas. Devido ao fato de terem valores mais altos requerem um investimento maior desde o começo. Assim como as Casas Bahia, Ponto frio e Magazine Luiza que possuem lojas físicas, mas também anunciam online para aumentar os lucros, se você tiver um endereço físico invista também no mercado digital.

8- Objetos para casa/Decoração

Esta categoria já atingiu o terceiro lugar no ranking dos produtos mais vendidos na internet e é um dos mais procurados do momento. A necessidade de deixar a casa arrumada, prática e bonita fez com que as lojas virtuais facilitassem o processo de compra com a opção de itens variados. É importante que os artigos de casa sejam divulgados com fotos nítidas e com informações detalhadas como peso, tamanho e medidas para que não haja propaganda enganosa e o item se encaixe perfeitamente no ambiente do comprador.  Um cuidado imprescindível é embalar corretamente os produtos, pois os objetos de decoração costumam ser  frágeis. Dessa forma, o empreendedor digital pode evitar danos no transporte e prejuízo em vendas e garantir que o produto chegue perfeitamente ao consumidor. Uma boa experiência facilita futuras vendas.

9- Viagem/Turismo

Esse setor evoluiu rapidamente nas vendas online, proporcionando ao consumidor preços mais atrativos e competitivos do que nas lojas físicas. A apenas um clique o consumidor pode garantir uma promoção imperdível para um destino desejado ou organizar facilmente as férias da família sem ter que sair de casa, comparando preços das companhias e escolhendo os melhores roteiros e conexões.

10- Clubes de Assinatura

Os clubes de assinatura vem crescendo a cada dia e atraindo a atenção de muitos consumidores.  É uma forma mais barata de fidelização do cliente, pois ele irá receber algum tipo de produto especializado com uma frequência pré-determinada, toda semana, de 15 em 15 dias ou uma vez por mês por  um valor mais atrativo.  Atualmente, existem clubes de vinhos, cervejas, livros infantis, cafés, receitas, conteúdos e muitos outros. Para abrir um clube de assinatura é necessário criar uma seleção  atraente, com os melhores produtos do mercado e que economize o tempo do consumidor, pois ele terá qualidade, variedade e conforto em receber os produtos em casa.

Lembre-se que o mais importante é  inovar e proporcionar  uma boa experiências ao seu cliente.

Tem interesse em criar um negócio online? Crie o seu e-commerce com o Marketing Buzz Station de forma prática, integrada e segura. Clique aqui para falar com um consultor!

Tem alguma dúvida? Envie um e-mail para [email protected]

Até breve!

[avatar user=”Maira Hess” size=”thumbnail” align=”left” link=”www.buzzstation.com.br”]Escrito por Maira Hess[/avatar] Públicitária e Assessora de Comunicação. Especialista em Inbound Marketing, Marketing Digital e Marketing de Conteúdo.